Nudez

Sempre fui um pouco “voyeur”… Não sei se por isso, ou pelo verdadeiro encantamento que sempre tive pelo corpo feminino, me decepciono muito com a “nudez fabricada” de hoje em dia… Pelo menos essa que aparece nas revistas, ou na mídia em geral. De artimanhas do Photoshop aos tratamentos estéticos, cirúrgicos, implantes, e etc, a nudez feminina parece que deixou de ser uma revelação, uma entrega, uma descoberta. A imagem da mulher nua, de hoje, “se veste” de tantos artifícios, cuidadosamente planejados, que a sensação que me dá é de que nunca estão despidas…

Nudez de verdade tem que ser aquela que revela… Aquela que permite ser visível o mais íntimo de cada um. Com a beleza particular e única de cada indivíduo. E todas as suas imperfeições.