Fixação

Com que direito o teu semblante
Invade o meu instante
E me faz poeta?
Como o teu universo
Toca o meu
E me põe a escrever versos?
De quem roubaste a chave da minha alma?
Como ousas surgir assim
E me roubar a calma
E me tirar o sono,
Como?
E como podes
Dominar meu pensamento,
Que quanto mais eu tento
Menos eu consigo me esquivar…?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s